Antigo Hospital São Francisco de Camocim seria um grande suporte em tempos de pandemia

0
O antigo hospital e maternidade São Francisco seria um grande suporte no sistema de saúde de Camocim nesse período de pandemia do novo coronavírus. O equipamento serviu a população do município durante muitas décadas até ser desativado no ano de 2006. 
O grande desafio dos estados e municípios brasileiros nesse período é exatamente a capacidade instalada de seus sistemas de saúde. Isto é: a quantidade de leitos de enfermaria e de UTI para atender os casos que demandem internações. 
Camocim contabiliza até o momento cerca de 6 óbitos. A maioria deles se deram na Unidade de Pronto Atendimento – UPA 24 horas do município entre pacientes à espera de um leito disponível em outras cidades como Sobral ou Crateús. 
A UPA 24 horas de Camocim funciona como unidade sentinela e atua no acolhimento de pacientes em situação de emergência. 
O secretário de planejamento do Governo do Ceará, Maia Junior, teria cogitado instalar um hospital de campanha em Camocim para absorver a demanda de casos de internações por coronavírus tanto no município como nas demais cidades do litoral Oeste. A ideia, até o momento, não prosperou. 
Com aumento exponencial dos casos de covid-19 em Camocim, que ultrapassam os 92 registros, o município se ver a beira de um colapso em seu sistema de saúde.
Camocim Portal de Notícias 
Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.