Polícia prende dois suspeitos da morte de PM em Cascavel

0

Frank Dellano de Almeida Nunes, de 25 anos, foi morto a tiros, no último domingo (20), ao reagir a uma tentativa de assalto.

Dois homens suspeitos de participar da morte do policial militar Frank Dellano de Almeida Nunes, de 25 anos, assassinado a tiros ao reagir a uma tentativa de assalto em Cascavel, foram presos em flagrante pela polícia. Os detalhes sobre a captura da dupla vão ser divulgados em coletiva na manhã desta quinta-feira (24), na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa(DHPP).

Os suspeitos são Romário Pereira Silvério e Lucas Salviano da Silva, de acordo com o auto de prisão em flagrante, que afirma que a captura dos dois homens foi realizada por supostamente terem cometido o crime de latrocínio contra o policial e por integrarem uma organização criminosa armada.

O corpo do policial foi enterrado na última segunda-feira (21),  em um cemitério localizado no município de Eusébio, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Com honrarias militares, dezenas de policiais participaram da cerimônia, que contou também com a presença da família e amigos do PM. 

Ainda durante as buscas, um terceiro indivíduo foi preso em flagrante suspeito de integrar uma organização criminosa que atua em Cascavel.

Crime

De acordo com a Polícia Militar, Frank foi morto, na manhã do último domingo (20), ao trafegar por uma via de Cascavel. A vítima estava com outros dois amigos, civis, quando teve o trajeto interrompido por uma barreira de pneus e pregos na estrada. 

Logo após a parada, segundo a polícia, suspeitos armados anunciaram o assalto. O PM, então, reagiu. Houve uma troca de tiros, e Frank acabou sendo baleado pelos assaltantes.

A vítima chegou a ser encaminhada para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas já chegou sem vida ao hospital. Frank atuava na 1ª Companhia do 16º Batalhão Policial Militar (1ªCia/16ºBPM), no bairro Messejana, em Fortaleza.

Diario do Nordeste

Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.