Vereador Oliveira levanta suspeita se dinheiro desviado não poderia estar sendo utilizado para eleição da Câmara de Vereadores de Camocim

0
Ninguém sabe das intenções deste dinheiro, da forma que foi espalhado. Estamos em  plena campanha para Presidência da Câmara. A gente fica  naquela dúvida: esse dinheiro se some todo nesse período?!. Será que esse dinheiro teve objetivo direto, já pensando nessa eleição da Câmara?! Então, isso é uma explicação que queremos dos nossos administradores.” Esse foi o  questionamento levantado pelo vereador Oliveira da Pesqueira (PCdoB) durante uma live no Facebook  AQUI por ocasião da denúncia feita pela bancada de oposição ao Ministério Público contra o programador financeiro da prefeitura de Camocim,  Felipe Veras  e contra a  prefeita Monica Aguiar. 
Para quem não sabe, Felipe Veras, que fez repasses ilegais do dinheiro público, é irmão do vereador César Veras (PDT), este que, por vez, é um dos braços direito de Sérgio Aguiar e da Prefeita Monica e é o indicado do casal para assumir a Presidência da Câmara, cuja eleição se realizará na próxima segunda-feira, dia 10 de dezembro.
Com Informações Revista Camocim
Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.