Funcionário do Samu presta socorro a jovem e descobre ser seu filho

0

Atendente do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em Jaborá, no Oeste de Santa Catarina, Sérgio Alves teve de socorrer o próprio filho depois de um acidente de moto, onde o veículo caiu em um buraco. Cristian Dezavento Alves, de 19 anos, ficou por oito horas sobre pedras impossibilitado de se movimentar. As informações são do G1.

O socorrista de 48 anos diz que só soube que a vítima era seu filho quando chegou ao local. Como Sérgio Alves estava de plantão desde a noite anterior, ele não viu que o filho iria sair. O pai diz que o filho fraturou duas vértebras, estava consciente e com o corpo gelado. “Se tivesse mais frio, ele poderia ter morrido de hipotermia”, afirma.

O guidão da moto ficou danificado após o acidente (Foto: Arquivo pessoal)

Depois de ter caído em um barranco, o jovem só foi descoberto no dia seguinte, por uma senhora que ordenhava vacas. Ela estranhou que os animais não quisessem fazer o caminho habitual. Avistou, então, a moto caída nas pedras e um homem mais embaixo. O filho dela acionou o Samu.

O pai de Cristian disse que soube de um barulho muito alto por volta das 23h. Ele supõe que deve ter sido o barulho do impacto da moto no barranco.

O jovem só veio a saber que foi resgatado pelo pai na noite posterior ao acidente. Cristian revela não ter lembranças do que aconteceu, mas que ficou feliz em saber que estava sob os cuidados do pai.

A possibilidade de cirurgia ainda não foi descartada, dependendo de sua recuperação nos próximos meses. Sergio Alves atribui a Deus a recuperação do filho. “Não vou esquecer nunca mais”.

Redação O POVO Online

Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.