Erasmo Gomes é convidado para ser instrutor da Força Nacional de Segurança Pública em Brasília

0

Foto: Erasmo aplicando treinamentos na África.

O veterano é o primeiro militar da Marinha convidado para a cobiçada função de instrutoria da Força Nacional de Segurança Pública, instituição criada em 2004, que tem sede em Brasília, Distrito Federal. A Força é um programa de cooperação de Segurança Pública brasileiro, coordenado pela Secretaria Nacional de Segurança Pública, do Ministério da Justiça e Segurança Pública e reúne os melhores policiais militares dos diversos estados brasileiros. Os instrutores que atuam na formação dos mobilizados, são escolhidos após criteriosa análise de currículo e perfil, estando entre os melhores de suas instituições.

Erasmo Gomes já é referência para muitos jovens que sonham com a carreira militar, inclusive, ele desenvolve um projeto na cidade que visa ajudar jovens a ingressarem nas Forças Armadas e polícia, agora o militar deve se tornar instrutor de uma das mais importantes instituições de segurança pública do país. A cidade de Camocim já tem alguns policiais que fizeram e fazem parte da Força, mas é a primeira vez que alguém do município vira instrutor da instituição. Erasmo dará aulas no Batalhão Escola de Pronto-Emprego (Bepe) sediado em Brasília (DF).

O militar é camocinense, entrou na Marinha aos 18 anos, na época estava servindo o Tiro de Guerra 10.001 como Monitor Erasmo. De família humilde, filho de um pescador e uma dona de casa, foi embora da cidade muito jovem. Quem não conhece sua atuação profissional, talvez não saiba que na última década ele foi um dos instrutores mais requisitados do país, atuou em várias estados treinando unidades militares e policiais, durante a copa do mundo e olimpíadas treinou milhares de pessoas, dentre eles, pilotos de avião que transportaram as delegações olímpicas, o militar representou o Brasil ministrando aulas de táticas militares na África, ensinando técnicas de conduta de patrulha, deslocamento armado, imobilizações dentre outras disciplinas, visando o combate a pirataria, narcotráfico internacional e tráfico de seres humanos.

5/5 (2)

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.