Auxílio Emergencial: Caixa não libera transferência da poupança digital

0
A Caixa Econômica Federal, instituição responsável pelo pagamento do auxílio emergencial, divulgou que ainda não permitirá a transferência do benefício recebido na poupança social digital, referente a segunda parcela, para demais contas, por meio de DOC ou TED.
O anúncio diverge da lei que implementa o benefício. Na redação da legislação, é garantido “no mínimo uma transferência eletrônica de valores ao mês sem custos para conta bancária mantida em qualquer instituição financeira habilitada a operar pelo Banco Central”.
O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, alegou que a medida foi adotada em razão das pessoas realizarem a transferência das quantias para conhecidos. Desse modo, atrapalhava a organização do calendário de saques criado para reduzir as aglomerações e, ainda assim, elas ocorriam nas agências bancárias.
“A Caixa informa ainda que a organização do pagamento das novas parcelas do auxílio emergencial visa evitar aglomerações nas agências bancárias e contribuir para a observância das medidas de proteção à saúde da população e de segurança no sentido de evitar a propagação da covid-19”, destacou o banco, em nota.
Ainda em complemento aos questionamentos em torno da proibição, a instituição bancária argumentou que “as regras definidas para o pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial seguem o estabelecido pela portaria nº 386 do Ministério da Cidadania, publicada no Diário Oficial da União no dia 15 de maio de 2020”.
Edital Concursos Brasil
Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.