Boulos diz que, se for eleito, vai revogar aumento do judiciário e cancelar auxílio-moradia

0

O candidato à presidência pelo PSOL, Guilherme Boulos, anunciou, na noite desta segunda-feira (3), em sua conta no Twitter, que, se for eleito presidente, vai revogar o aumento de salários dos juízes e cancelar o auxílio-moradia para quem tem casa.

“Uma das primeiras canetadas que eu vou dar, com gosto, vai ser chegar lá e revogar o aumento do judiciário, auxílio-moradia para quem tem casa e destinar este dinheiro para políticas públicas. Vai ser uma das canetadas mais gostosas da minha vida.”

O Judiciário brasileiro é, proporcionalmente, o mais oneroso do mundo: custa 1,3% do PIB do país, contra 0,4% da média mundial. Só em abril de 2018, gastou R$ 104,6 milhões em pagamentos de auxílios a juízes, desembargadores e ministros, segundo levantamento foi feito pelo Portal UOL.

Além desse montante, previsto como ‘auxílio’, a reportagem do Portal UOL ressalta que magistrados e membros do MP querem um reajuste de 16% em seus vencimentos a partir de 2019 – o aumento faz parte da discussão do orçamento no Congresso.

“Somados os 12 meses de um ano, o valor dos auxílios pago aos magistrados chega a R$ 1,25 bilhão, valor similar ao orçamento inteiro da cidade de Palmas (capital do Tocantins) em 2018.”

 

Com Informações Revista Forum

Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.