‘Vaquinha’ para remover tatuagem em rosto de jovem alcança R$ 19 mil e ultrapassa meta

0

Uma campanha virtual arrecada dinheiro para apagar tatuagem feita em rosto de jovem torturado em São Paulo. O coletivo Afroguerrilha criou uma “vaquinha” na internet para juntar R$ 15 mil para custear tratamento para retirar a tatuagem e também no tratamento psicológico do adolescente.

Imagem: Reprodução

A “vaquinha” alcançou o objetivo e até às 20h40min do domingo, 11, já arrecadou R$ 19.982. O valor supera em 33% a expectativa inicial. A vítima de 17 anos teve a testa tatuada com a inscrição: “eu sou ladrão e vacilão”. A ação foi filmada e compartilhada no WhatsApp.

Os responsáveis pela tortura são o tatuador Ronildo Moreira de Araújo, 29 anos, e o vizinho Maycon Wesley Carvalho dos Reis, 27 anos, que foram presos pela Polícia. Na delegacia, os dois disseram que o adolescente teria tentado furtar uma bicicleta na região e ficaram revoltados com isso e “resolveram tatuar o mesmo como forma de punição”.

O jovem, que estava desaparecido, foi encontrado por amigos neste sábado, 9, na cidade de São Bernardo do Campo (SP). Ele estava sumido desde 31 de maio e a família o reconheceu no vídeo gravado e divulgado em redes sociais. O jovem prestou depoimento à Polícia e negou ter cometido furto. Ele foi levado ao posto médico para ser medicado e voltou para a casa da avó.

Além de ter a testa marcada com uma tatuagem, o adolescente contou que teve o cabelo cortado e os pés e as mãos amarrados por Ronildo e Maycon.

Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.