Ceará chega a 212.484 casos confirmados de Covid-19, com mais de 8,3 mil mortes

0

Os casos confirmados de Covid-19 no Ceará chegaram a 212.484 e as mortes em consequência da doença são 8.376. O número de pessoas recuperadas é de 186.586. Os números são da plataforma IntegraSUS, atualizada às 11h11 desta sexta-feira (28).

O Estado contabiliza também 89.099 casos suspeitos e 607 mortes em investigação. Já foram notificados 631.160 casos do novo coronavírus. O número de testes realizados para identificar o vírus é de 625.457.

A letalidade da doença, proporção entre as taxas de casos e mortes, está em 3,9%. Uma morte foi confirmada nas últimas 24h. 

O IntegraSUS aponta que a ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Ceará está em 63,52%. Nos leitos de enfermagem, a ocupação está em 36,04%.

Os municípios que apresentam maiores índices de incidência de casos confirmados por 100 mil habitantes são: 

  • Acarape (9.484,9)
  • Frecheirinha (9.110,3)
  • Groaíras (6.315,5)
  • Chaval (6.021,9)
  • Moraújo (5.513,5)

Fortaleza lidera como a cidade com maior número de casos confirmados (46.547) e de mortes (3.778). A incidência na Capital cearense é de 1.743,8.

Em seguida está Juazeiro do Norte, com 13.838 diagnósticos positivos, 258 mortes e incidência de 5.046,6. Na Região Norte do Estado, Sobral possui 11.119 confirmações da doença e incidência de 5.321,8. O município é o terceiro em número de óbitos, com 295.  

Caucaia, segunda cidade em mortes (329), concentra casos 5.551 confirmados e incidência de 1.536. Em Maracanaú, foram confirmados 6.289 casos e 236 óbitos, e a incidência é de 2.759,7. Maranguape tem 4.623 casos, 113 mortes e incidência em 3.584,3.

Os números divulgados pela Secretaria da Saúde são atualizados permanentemente e fazem referência à disponibilidade dos resultados dos testes para detecção da presença do vírus, ou seja, não necessariamente correspondem à data da morte ou do início da apresentação dos sintomas pelo paciente.

 

 

DN

 

Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.