Vaticano diz que Igreja Católica não pode abençoar uniões homoafetivas

0
O Vaticano afirmou, nesta segunda-feira (15), que a Igreja Católica não pode abençoar a união de pessoas do mesmo sexo. A Congregação para a Doutrina da Fé afirma que estão se difundindo projetos e propostas de bençãos a uniões homoafetivas, motivados por boa vontade de acolher pessoas homossexuais, mas que não são permitidas.
O comunicado divulgado afirma que “não é lícito conceder uma bênção a relações, ou mesmo a parcerias estáveis, que implicam uma prática sexual fora do matrimônio (ou seja, fora da união indissolúvel de um homem e uma mulher, aberta por si à transmissão da vida), como é o caso das uniões entre pessoas do mesmo sexo”.
Segundo o comunicado, o Papa Francisco foi informado e deu consentimento à publicação da nota. Em outubro de 2020, Francisco manifestou defesa pela união civil de homossexuais.
O texto do Vaticano afirma que reconhece que as relações homoafetivas têm elementos positivos, dignos de serem apreciados e valorizados, mas que isso não é capaz de torná-las honestas e legítimas da benção eclesial.
Diário do Nordeste
Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.