Tianguá deve ter novas eleições suplementares

0

Por unanimidade, o Tribunal Regional Eleitoral, em sessão realizada nessa noite de segunda-feira, manteve a anulação dos diplomas do prefeito de Tianguá, José Jaydson, e do vice, Mardes Ramos. O Pleno do TRE rejeitou os embargos de declaração apresentados pela defesa do prefeito e do vice, que buscavam reverter a anulação dos seus mandatos, o que  havia ocorrido no dia 20 de agosto por essa mesma Corte.

O relator da matéria, juiz José Vidal Silva Neto, não acatou os recursos, no que foi seguido por demais membros do Tribunal. Segundo a assessoria de imprensa do TRE, essa decisão será publicada nesta semana no Diário de Justiça do Estado e, após isso, o presidente da Câmara Municipal, Francisco Cléber Silva, deverá assumir a prefeitura até a realização eleições suplementares.

O prefeito e o vice de Tianguá ganharam a eleição suplementar em junho do ano passado, mas eram alvos de uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral, que já tramitava no TRE, pedindo a inelegibilidade por oito anos de Jaydson. Ele é acusado de abuso de poder econômico e político na disputa eleitoral de 2016, na qual acabou não sendo eleito.

 

 

Blog do Eliomar Lima

Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.