Tumulto em Israel durante peregrinação religiosa deixa ao menos 44 mortos e 103 feridos

0

Um tumulto registrado durante uma peregrinação judaica ortodoxa ao norte de Israel, na madrugada nesta sexta-feira (30), deixou ao menos 44 pessoas mortas e 103 feridos. A tragédia foi registrada no Festival Lag B’Omer, que acontece no Monte Meron. 

O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu classificou o episódio como uma das “catástrofes mais graves” da história do país. “A catástrofe do Monte Meron é uma das mais graves a atingir o Estado de Israel”, escreveu o gestor em uma rede social. Nesta sexta-feira, ele visitou o local da tragédia e decretou um dia de luto nacional no domingo (2).

Diário do Nordeste

Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.