Quixadá decreta lockdown total e proíbe farmácias e supermercados

0

O prefeito Ricardo Silveira decide paralisar as atividades essenciais da cidade, alegando aumento dos casos de Covid-19. Medida está na contramão do decreto do governador Camilo Santana, que ampliou horário do comércio e restaurantes.

Numa atitude surpreendente, porque na contramão do que, no mesmo instante, havia decidido o governador Camilo Santana, o prefeito de Quixadá, no Sertão Central do Ceará, Ricardo Silveira, do PSD, decretou na noite desta sexta-feira lockdown total.

A decisão valerá a partir do próximo domingo, 16, e vigorará até o domingo seguinte, 23.

A medida proíbe o funcionamento até das atividades essenciais, como o comércio de alimentos (supermercados e padarias) e de medicamentos (farmácias).

Por causa do decreto do prefeito, na cidade de Quixadá farmácias e supermercados de qualquer porte terão de manter suas portas cerradas, só podendo vender por e-commerce, com entregas em domicílio.

Vendas por e-commerce são feitas por meio de cartão de crédito, um instrumento de que dispõe somente uma parte da população municipal.

Alguns líderes do comércio varejista quixadaense tentaram reverter a decisão do prefeito, mas foi em vão: ele manteve o seu decreto.

Em Fortaleza, no início desta noite, o governador Camilo Santana ampliou o horário de funcionamento das lojas de rua e de shopping e, também, de bares e restaurantes, que poderão permanecer abertos até as 21 horas.

Diário do Nordeste
Não existem avaliações

Deixe sua avaliação

DEIXE SEU COMENTÁRIO

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.